10.10.12

Pelo avesso

"... e de repente, a vida te vira do avesso e você descobre que o avesso é o seu lado certo."
(Caio F. Abreu).

Desde a primeira vez que vi essa frase, me identifiquei bastante com ela. Seja por signo, personalidade, inquietação própria ou artimanhas da vida, vira e mexe estou ao avesso. Já  me "avessei" e "desavessei" diversas vezes, perdi as contas de quantas vezes isso me aconteceu. Quando estou quase me acostumando com os avessos dados em minha vida, vem um furação e joga tudo para cima, para os lados, para fora...  mudando tudo de novo, e de novo.

No começo, é como uma queda do décimo oitavo andar: me sinto frágil, fraturas expostas, ossos quebrados... está tudo doendo, dolorido. Até tudo voltar ao lugar, a dor é intensa, quase me rasgo. Imagine só, estão me avessando, deixando-me em pele viva, exposta ao sol! A minha recuperação é lenta, ainda respiro por aparelhos. Abro os olhos. Estou viva. Aos poucos, percebo que ainda consigo andar. As feridas vão cicatrizando, ajeita um osso de cá, "track- track", estalos,  põe um gesso de lá e pronto, tudo volta para o devido lugar. Claro que nem tudo vai ficar em seu perfeito funcionamento, existem sequelas tanto os baques físicos quanto os emocionais, principalmente, porém nada que seja visível a olho nu.
        
Com o encaixe dos ossos, vem também o meu encaixe na minha nova vida avessada. Finalmente me dei alta e estou livre para voltar à vida. Estranheza é normal, é como se estivesse em coma há algum tempo, fora da minha própria vida, mas vou me acostumando com as novas transformações. E aí, quando estou em perfeita sintonia com o que me foi atribuído pela vida, eu aproveito. Aproveito a sensação nova de sentir, de outras formas, os sentimentos que eu já conheço, apenas são reinventados. 
        
A sensação de renovação não poderia ser melhor: me sinto livre! Para ser, sentir, sanar, sonhar de novo. A minha autoestima não poderia ser maior, tenho segurança em minha própria instabilidade. Todas as sequelas da queda ainda estão ali e por vezes, ainda doem, mas simplesmente aprendi a viver com elas. Parei de querer que elas sarem por completo, porque sei que não vão. E se vão fazer parte de mim daqui pra frente, que eu aprenda a lidar com elas, que eu aprenda a percorrer caminhos que as façam latejar menos.
        
Difícil entender as voltas que a vida dá. Aquilo que tanto machuca e corrói, depois de um tempo se torna fonte de valentia. A tensão dá espaço a tranquilidade de um recomeço. Um recomeço que vem se avisar, invade sem ao menos ter pedido permissão, mas de tanto forçar a porta, abre tudo e sou obrigada a aceitar. Mas vai me convencendo que é melhor mesmo deixar entrar. Aí me entrego a essa tal queda livre que me deixa toda desarticulada da minha  própria vida, mas quando volto, volto com ainda mais vontade de vida.
        
O conforto do novo avesso dura pouco. De repente, estou em queda novamente, desmontada ao chão. Mas saber que posso me remontar a cada baque, dá a força que preciso pra suportar a dor de cada osso estalado voltando ao lugar. Posso passar por avesso ou desavesso, vou sempre fazer com que se torne o meu novo lado certo.

52 comentários:

  1. Como sempre arrasando nos textos! Excelente!
    Boa quarta-feira!
    Fica com Deus!
    Beijo!

    http://nannacunha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Amei o texto, acho que o meu lado avesso é o certo também.
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Amanda, obrigada pelo coment. Que bom que gostou da minha listinha (;
    Qualquer um pode fazer sim, vou ficar esperando p ver a sua haha
    Tô conseguindo parar de roer, já faz alguns meses que parei e to me segurando hahahaha

    Obrigada. Bjs

    ResponderExcluir
  4. pra falar a verdade eu só li o começo do texto por que deu preguiça mais é lindo..
    http://www.camilacardozo.com/

    ResponderExcluir
  5. Ai esse negócio de estalar os ossos me dá até um arrepio! Tenho uma agonia danada disso ahahah
    Adorei o texto, acho que depende de cada um de nós encontrar o lado certo e cabe a nós deixar os preconceitos e angústias de lado para descobrir se o lado avesso é o que encaixa naquele momento!

    Beijos
    Brilho de Aluguel

    ResponderExcluir
  6. É, concordo plenamente. Transformou a frase, em um texto perfeito!
    Beijos, bom feriado!
    upgrade-br.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Como sempre: Adorei o texto! <3
    Adorei o quote do Caio F. de Abreu!
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  8. Adorei o texto. Vc é incrível!
    Me identifiquei bastante ><
    Bom feriado, florzinha!

    http://queafelicidadevirerotina.blogspot.com
    ;*

    ResponderExcluir
  9. Amei o texto, como sempre!
    Beijos, flor <3

    Ann
    http://www.vinteepoucos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Realmente tem horas que essa frase tem tudo a ver com a gente!!!
    Adorei!!
    Bjs..

    http://www.perfumesdapam.com/

    ResponderExcluir
  11. Está a fim de responder a um meme? Passei aqui só pra avisar querida blogueira. Se quiser, é só deixar o link do seu post nos comentários.
    http://estupidoculpido.blogspot.com.br/2012/10/meme-11-perguntas-para-respondercom.html

    ResponderExcluir
  12. Isso mesmo, tem vez que ta tudo ficando certo e a vida nos surpreende com um avesso mais uma vez.
    Amei o texto Amanda,
    beijos

    Marina Alessandra do blog Pelos Dezoito
    @mariinaale

    ResponderExcluir
  13. Você escreve tão bem... Quero dizer, é você quem escreve esses textos né? Oo

    Beijos
    delicadaeegoista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Meus lados e avessos são metamorfoses tão inconstantes que tentar defini-los já se torna por si só exaustivo. A vida é isso, afinal. A frequência mudança, descoberta e tentativa de adaptar-se.

    Também adoro essa frase.

    Fico feliz por ter aparecido no TDT e me permitido encontrar blog de textos do tipo. Sinto falta deles, com tantos "modismos".

    ResponderExcluir
  15. Novamente arrasou, Amanda!

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Nem sei o que dizer diante de um texto tão lindo. Parabéns, você sabe mesmo como usar as palavras.

    Beijos, http://desconstruindo-amelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Amei esse texto! Um dos melhores que já li aqui no seu blog, de verdade. Eu também "viro do avesso" sempre, e eu gosto muito sabe... Ficar sempre na mesma não me agrada.

    beijos
    http://quaseatoa.blogspot.com.br/
    ps: se ainda não participou, tem sorteio de um bracelete lindo rolando no blog.. corra lá e clica no banner :D

    ResponderExcluir
  18. Eu adoro essa frase, me descreve bastante mesmo.
    Adorei o texto, achei que é tão minha cara! haha
    beijão!

    ResponderExcluir
  19. Isso aí, Amanda! Se machucar é inevitável, mas nós temos sempre que dar o nosso melhor para que nos recuperemos. Escrevendo bem como sempre, né! Beijinhos!

    ResponderExcluir
  20. Menina adorei isso que falou da queda livre e se remontar, nunca pensei dessa maneira, adorei, vou guardar essa frase tbm pois sei que vou usá-la muitas vezes ;)
    Um ótimo feriado e até segunda-feira!
    Bjus

    Rafa
    Rafaelando

    ResponderExcluir
  21. Adorei o texto,vc manda muito beem Amanda!

    rabiiiscosnopapel (.blogspot.com) sem os parênteses ;3

    ResponderExcluir
  22. "e de repente, a vida te vira do avesso e você descobre que o avesso é o seu lado certo." Nossa, essa frase faz tanto sentido, é tão linda. isso às vezes acontece comigo, eu penso que estou diferente mas isso pode ter isod melhor para mim. é como se a pessoas amaduresce de repente.
    bjs

    TRASH ROCK

    ResponderExcluir
  23. Cara que texto mais perfeito *-* me traduziu perfeitamente !! Até salvei aqui pra ler de novo, nossa ficou demais!! *-*

    ResponderExcluir
  24. A mudança é um dos princípios da vida, mas eu nunda tinha pensado assim nesse negócio de me "avessar" e depois "desavessar". Ás vezes parece que eu nunca vou gostar de certa coisa ou ser de certo jeito, mas muitas vezes eu me adapto muito bem e adoro os novos costumes. E depois, vem a vida e muda tudo de novo, e por incrível que pareça, faz eu gostar desses novos hábitos. Acho que é tudo questão de costume.
    ps: adorei a comparação que você fez no 2º paragrafo ;)
    -xoxo

    s2juuh.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Impressionante como uma simples frase pode nos fazer pensar tanto ne (Ainda mais do Caio F. ♥)
    Eu também me identifico e muito com essa frase, eu acho que varias pessoas também ne, porque a vida é assim feita de altos e baixos e quando começamos a nos acostumar com algo vem a vida novamente e vira tudo do avesso e nos temos que nos recompor de novo e de novo. Mas enfim você arrasando nos textos como sempre ne, lindo demais ele, amei muito e me identifiquei muito também, Eu ainda acho que você ainda vai virar uma escritora :D rsrs
    E que bom que você aceitou o convite viu \o/ fiquei muito feliz mesmo e já li o texto que você me enviou e eu amei ele demais não tiro nada dali, esta perfeito *-* na semana que vem eu faço essa postagem ai eu te aviso ta porque essa semana não da mais rsrsrs
    bjinhos
    conversando-com-a-lua. blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. Um texto lindoo pra refletir em minha vida :)

    rockdeverdadeeatitude.blogspot.com/ bj

    ResponderExcluir
  27. Maravilhoso seu texto.
    Realmente as vezes a vida nos vira ao averso *-*'
    Beijos Doces...
    http://blogstayy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  28. Nós vivemos nos reinventando, seja por vontade própria, seja para nos adequar a novas situações e que bom, senão a vida seria bem monótona e sempre igual.

    Beijos ><
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  29. Adorei o texto, ótimo para refletir da vida. (:

    blogchuvasdenovembro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  30. Oi Amanda, tudo bem?
    O inicio do seu texto expressa exatamente como me sinto agora: frágil, fraca e quebrada. Como se eu tivesse acabado de cair do milésimo andar de um prédio, ainda estou viva, mas tenho a sensação de que não vou conseguir.
    Estou esperando ansiosamente o dia em que vou me acostumar com o avesso.
    Gostei muito do texto. Muito mesmo.

    Beijos, desculpe pela demora para responder.
    Pitorescamente

    ResponderExcluir
  31. Lindo texto e confesso que muitas vezes ja me senti assim, acho que faz parte da vida não é? Quando achamos que já está tudo certo, tudo muda. Bela escrita, beijos.

    http://esfriouocafe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Você escreve muito bem. =]~ Feliz em saber que ainda existem pessoas com blogs com textos tão lindos. Quem nunca se sentiu do avesso não é mesmo?
    O dificil é saber qual dos avessos é o certo.Creio que temos que realmente fazer deles os melhores possiveis.
    Lindas palavras.

    ResponderExcluir
  33. Também sempre me identifiquei com esse trechinho do caio.
    E é verdade as vezes o avesso é um recomeçar de novo, recomeçar do zero.

    beijo querida, adorei a cara nova do blog!

    ResponderExcluir
  34. Sem palavras, seus textos são realmente incríveis!
    E isso é a vida, uma hora tudo está do avesso, as coisas viram de cabeça pra baixo, tudo o que você construiu simplesmente desmorona de uma hora pra outra... e tudo o que podemos fazer é aceitar, seguir em frente, e tentar recomeçar.
    O recomeço é a graça da vida, é saber que poderemos em breve sorrir, que há chance de ser feliz de novo, desse novo jeito que a vida impôs.

    Belas palavras, Amanda! :}
    Beijo.

    ResponderExcluir
  35. As coisas que nos deixam chateados e fracos, e tristes, e ruins... elas nos fortalecem, porque depois viram fonte de maturidade e de coragem para continuar a seguir em frente e correr atrás do que você quer.

    Parabéns pelo texto, sempre quis visitar seu blog, mas achei que você não fosse gostar do meu, aí eu desistia HGKJFHKJGFHJKGFKJ Mas enfim, cá estou.

    Bjos e bom sábado!

    http://sugar-dance.org

    ResponderExcluir
  36. Sabe, parabéns mesmo, eu já falei antes, mas tu escreve realmente bem. Mesmo. :*
    *Vitamina de Pimenta*

    ResponderExcluir
  37. A vida realmente nos dá uns avessos que não nos pedimos, mas enfim, é pra isso que a vida serve. Deus nos mostra o que é melhor pra gente!

    *Estou fazendo esse pedido a alguns Blogs:Estou pensando em fechar o Blog, mas não tenho coragem, então peço sua ajuda para evitar isso, como? - Indique o Maçã Verde!

    Beijos
    macaaverdee.blogspot.com

    ResponderExcluir
  38. Acho que é assim mesmo, né? Aquilo que tanto nos apavora no início, acaba se tornando nosso ponto forte depois. Vamos descobrindo partes de nós que, há pouco tempo, nunca imaginaríamos existir.
    Falou tudo♥
    Beijo,
    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  39. Muito bom, gostei demais das analogiase do novo verbo (avessar *-*).
    As mudanças são sempre dolorosas, ainda que consigam ser ao mesmo tempo, benéficas. As tranformações nos tiram do nosso conforto, essas quedas da vida nos desestruturam e fazem tudo sair do lugar comum, mas é preciso nos acostumarmos com elas, pois a verdade é que, apesar de todas as dores que implicam, não "avessar" nunca é pior ainda. Existe coisa mais monotona do que ficar a vida toda de um lado só? Precisamos experimentar e nos adptar a novas perspectivas.
    Acho que só nos sobra mesmo é, todas vezes, fazer do avesso, o nosso lado certo.

    Beijos.
    http://www.ideias-defenestradas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  40. Nossa, também me identifiquei demais com essa frase desde a primeira vez e você fez um desenvolvimento fantástico nesse post!
    A vida sempre faz isso com a gente para que aprendamos, ganhemos maturidade e nos tornemos pessoas melhores. Felizes seremos se soubermos extrair o melhor dessas viradas do avesso.
    Gostei demais. Até a próxima
    ;*

    ResponderExcluir
  41. Eu também tenho um lado avesso, mas que poucos conhecem. Amei o texto =)
    E desculpa demorar pra visitar o seu blog, visito tantos e acabo esquecendo de alguns u.u

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  42. Pois é, o avesso às vezes é o certo mesmo... penso que precisamos observar constantemente se não estamos vivendo apenas na nossa "zona de conforto", pois o ser humano se acomoda né... mas isso pode ser muito ruim!

    Bacana sua reflexão sobre o tema!

    Espero sua visita!
    anteontemmusical.blogspot.com

    bjsss

    ResponderExcluir
  43. Oi linda! Tudo certo? Espero que sim! Ás vezes a vida é assim mesmo, nos mostra o avesso de quem somos, para recebermos quem REALMENTE somos. Podemos encontrar uma parte de nós que não sabíamos que estava presente ali e muitas vezes, que é totalmente o avesso do que sempre pensamos ser. Muito obrigada pela visita, gosto muito do seu blog!

    Beijos :*
    Fernanda Zucolotto ♥
    www.meianoiteequinze.com

    ResponderExcluir
  44. Nossa que lindo texto.
    eu gosto muito das frases do Caio, ele parece que escreveu para mim.
    beijos

    ResponderExcluir
  45. Adooooooro vir aqui e ler seus textos, eles são inspiradores *o*
    às vezes tudo parece ao avesso,como quando a gente coloca a camiseta do avesso, e quem sabe isso não pode ser bom de alguma maneira, né? Fazendo com que a gente fique mais forte! Amei essa de "avessar", viu ? rsrs
    AAH, outro dia estava na escola e veio um texto de "intuição",menina não pude deixar de pensar nos seus textos!
    Foi mágico! C:
    siiim, a história é bem interessante, meeesmo rsrs
    Um beeeijo, fofa
    Pâm
    http://interruptedreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  46. Muita verdade quando a gente nem espera a vida vira do avesso de novo :(
    Naflordaiidade(.blogspot.com)é sem o parenteses ;*

    ResponderExcluir
  47. Uau, que lindo.
    Que a frase já era muito boa e que eu até conhecia disso eu já sabia mas acompanhada do seu texto ganhou outro sentido e cresceu.
    Estamos sempre em constante mudança e muitos dissem que é para melhor.

    beijos :*

    ResponderExcluir
  48. Oi querida,
    Me identifiquei muito com o texto. A vida as vezes tomas uns rumos que no começo a gente nao entende, mas depois faz todo o sentido.
    Ah, claro que eu conheço o Jay Vaquer hahaha
    boa semana
    :*

    dudsparow.blogspot.com

    ResponderExcluir
  49. Você poderia me informar de qual livro é essa citação, por favor. Obrigado.

    ResponderExcluir