7.3.13

Não se cobre tanto

Permita-se errar. Crescemos muito na vida aprendendo com os nossos erros. Já imaginou o quão insuportável e prepotente seríamos se tudo o que fizemos desse certo? Os erros nos fazem amadurecer, nos perceber melhor e também as pessoas ao nosso redor. 
        
Permita-se perdoar a si e também ao outro. Quem nunca magoou sem saber ou sem querer que atire a primeira pedra. E se magoou querendo, perdoe também: por você. Mas não seja bobo, não deixe que as pessoas se aproveitem disso de maneira que te seja desconfortável.

Permita-se sentir. Se quiser chorar porque tá triste, chore até sentir que dor cessou um pouco. Se sente vontade de gritar de felicidade, grite aos quatro ventos! Não tenha medo de ser quem é, muito menos pela desaprovação dos outros.
        
Permita-se pensar. Sei que os afazeres diários nos transformam em verdadeiras máquinas "economizadoras" de tempo, mas tire um tempinho pra pensar em coisas que gosta ou na sua vida, sei lá. Tente lembrar-se sempre do sentido que tem tudo aquilo que faz parte da sua rotina, do dia a dia.
        
Seja humilde. Trate de forma igual desde o presidente da empresa até o faxineiro. Saiba e reconheça as suas qualidades, mas não fique exaltando-as em momentos inoportunos. Nunca ache que sabe demais porque existe sempre uma coisa nova para aprender ou aprimorar.
        
Tenha tranquilidade para superar as dificuldades. Por mais impossível que pareça ser, é necessário manter a calma para resolver os problemas, quanto mais afobado se está para resolvê-los, mais eles se enrolam e se complicam.
        
Respeite a suas vontades. Não há porque sentir culpa ao dizer "não" para alguém. Não precisamos aceitar ou fazer coisas que não nos sentimos a vontade e se, a pessoa que nos pediu também nos respeita, irá entender. Talvez, ter coragem de dizer essa pequena palavrinha de grande poder evite várias situações inconvenientes.
        
Não se cobre tanto assim. Ninguém é perfeito, permita-se ser imperfeito. Afinal, como já diz o velho clichê "a vida é uma escola" e embarcamos nessa pra aprender mesmo. Para errar, para sentir, para pensar, para amadurecer, para respeitar. Se respeitar. O que a gente leva da vida são apenas todas essas vivências, todo o resto fica. E não há nada mais gratificante do que saber que é valida a pena a vida que se vive.
        
Acima de tudo, ame-se! Saiba seus limites, respeite os seus medos mas não deixe que eles tomem conta de você. E todo o resto estará automaticamente incluso na leveza de uma personalidade satisfeita, todos os dias.

17 comentários:

  1. Que texto lindo, adorei demais!
    www.espacegirl.com

    ResponderExcluir
  2. "Não se cobre tanto assim. Ninguém é perfeito, permita-se ser imperfeito. Afinal, como já diz o velho clichê "a vida é uma escola" e embarcamos nessa pra aprender mesmo."

    Tô aprendendo isso com a vida, terapia, tive uma lição assistindo o filme cisne negro.
    Eu não tenho medo de errar, erro o tempo todo mas me cobro demais e isso é péssimo, seu texto ta simplesmente um "tapa de luva". Perfeito.
    Tô sem saber o que dizer!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Meu Deus você escreve muuuuito bem! Adorei essa parte: "Permita-se sentir. Se quiser chorar porque tá triste, chore até sentir que dor cessou um pouco. Se sente vontade de gritar de felicidade, grite aos quatro ventos! Não tenha medo de ser quem é, muito menos pela desaprovação dos outros."

    Beijinhos, Garota Inocente

    ResponderExcluir
  4. Errar não é bom, mas convivendo com o erro podemos chama-lo de "experiencia"! ótimo texto.

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro teus textos, tem tanta verdade, personalidade e amor, neles. A vida é simples, nós só temos que vivê-la do nosso jeito, temos que nos permitir, jogar tudo pro alto de vez em quando e nos divertir de verdade. Falta felicidade e sobra preocupação demais. A vida é fácil, a gente que complica.
    Beijão, Unsaid Things

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto. Acho que realmente o "não se cobrar" e aceitar os proprios erros e acertos é uma das grandes chaves da felicidade :)
    boa semana
    ;*

    www.redbehavior.com

    ResponderExcluir
  7. Opa...adorei. à vezes nos cobramos tanto que acabamos criando um estresse pessoal,né? Ai...eu tinha dificuldade para dizer não ás pessoas...mas agora está relex!^^
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  8. As vezes nos cobramos mais do que devíamos e até mais para alguém que não merece. Ótimo texto.
    beijo

    Marina Alessandra do blog Maior de Idade
    @mariinaale
    @maioordeidade

    ResponderExcluir
  9. Este post surgiu num momento oportuno do meu cotidiano! Adorei...
    Beijos,
    Livros & Rabiscos

    ResponderExcluir
  10. Acho que todos devemos pensar nisso, em se cobrar menos, em se aceitar. Super concordo com a Dinha: teus textos tem muita verdade, personalidade e amor- e eu amo demais isso. Lindo demais!
    Beijos e desculpa por estar meio ausente...

    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Respeite a suas vontades. Não há porque sentir culpa ao dizer "não" para alguém. Não precisamos aceitar ou fazer coisas que não nos sentimos a vontade e se, a pessoa que nos pediu também nos respeita, irá entender.
    melhor parte pra mim amei amei amei <3

    http://www.biaricaldy.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Adorei esse texto! Diferente do que estou acostumada a ver aqui, mas gostei muito mesmo assim :)

    Adolecentro

    ResponderExcluir
  13. Temos que viver sem pensar nos outros, sermos felizes, e sem ficar muito dificil.

    @esteffanifontes, do blog Aos Dezesseis Anos
    aosdezesseisanos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Se a vida fosse fácil nao teria graça, chorar realmente alivia a mente,
    temos que sentir, sem ter medo de errar..

    ResponderExcluir
  15. Para que possamos perdoar o próximo, devemos antes nos perdoar. Devemos ser tolerantes conosco em momentos, afinal, não somos perfeitos! Texto lindo e verdadeiro!
    Beijos, Cyn.
    http://ograndetalvez.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oii querida!

    eu adorei o texto, você sempre contando histórias, fazendo a gente refletir sobre os sentimentos....
    por isso eu adoro vir aqui.

    Beeijos querida!

    http://www.portiprati.com/

    ResponderExcluir